10 capítulos
Medium 9788521627296

9 - Tendências Atuais e Futuras

CARVALHO, Luiz Pinto de Grupo Gen PDF

9

CAPÍTULO

Tendências Atuais e Futuras

O que vimos ao longo deste livro nos mostra como se desenvolveram as técnicas utilizadas em Telecomunicações, dos primórdios do uso dessas técnicas até os dias atuais. O que se pode dizer em termos de tendências atuais é fazer um apanhado geral, sumário, de como as

Telecomunicações estão no momento.

Atualmente, as Telecomunicações utilizam técnicas de natureza matemática, especializadas, em parte baseadas em estatística, na determinação da forma mais eficiente de transmitir as informações e na determinação do que se pode esperar da transmissão do sinal em termos de veiculação de quantidade de informações, ou seja, das limitações na capacidade de transmissão. O formato de sinal utilizado em todos os sistemas novos é o digital, com as diversas vantagens já examinadas neste livro. Na transmissão dos sinais, continuam a ser utilizados fios e ondas eletromagnéticas; estas incluem as ondas de rádio, inclusive micro-ondas, que se propagam livremente pelo espaço, e a luz, que, em geral, é transmitida por meio de fibras ópticas.

Ver todos os capítulos
Medium 9788521627296

2 - Redes e Centrais de Telefonia e Telegrafia

CARVALHO, Luiz Pinto de Grupo Gen PDF

CAPÍTULO

Redes e Centrais de Telefonia e

Telegrafia

2.1 Redes Telefônicas e

Telegráficas Iniciais;

Comutação Manual

As primeiras redes de comunicações foram as telegráficas. Inicialmente, foram instaladas linhas isoladas entre cidades. A primeira delas foi construída em 1843, entre Baltimore e Washington.

Essa primeira linha era experimental e tinha a utilidade de demonstrar não só o funcionamento, como a utilidade do telégrafo para enviar notícias.

Algumas das linhas iniciais foram lançadas ao longo de estradas de ferro, tanto porque essa era uma via aberta entre cidades, com manutenção frequente, como porque, assim, a linha servia para enviar tanto notícias quanto avisos operacionais entre estações de trem. Muitas vezes, o equipamento telegráfico ficava nas próprias estações. Mais tarde, com a maior difusão da utilização do telégrafo entre pessoas que queriam mandar notícias para outras pessoas, novas linhas foram lançadas de modo a atender a equipamentos telegráficos instalados em postos dos correios. Os correios passaram a se intitular correios e telégrafos.

Ver todos os capítulos
Medium 9788521627296

8 - Satélites, Sistemas Móveis, Comunicações Ópticas

CARVALHO, Luiz Pinto de Grupo Gen PDF

CAPÍTULO

8

8.1 Satélites de

Comunicações

8.2 Telefonia Celular e Sistemas

Wireless

8.3 Fibras Ópticas,

Comunicações

Ópticas

Satélites,

Sistemas Móveis,

Comunicações

Ópticas

8.1 Satélites de Comunicações

Satélites artificiais são utilizados para comunicações, sensoriamento remoto e outras aplicações.

Satélites de comunicações funcionam como uma estação repetidora de rádio (em particular, de micro-ondas) a uma grande altitude.

Sabemos que micro-ondas não se refletem na ionosfera e têm uma atenuação considerável na propagação por difração em obstáculos, por isso são usadas em visibilidade direta. Quando isso não é possível diretamente, utilizam-se estações repetidoras entre as estações extremas, de modo que haja visibilidade entre elas. Procura-se encontrar um ponto suficientemente elevado para garantir essa visibilidade.

Por ficarem a uma altitude muito maior que qualquer elevação na Terra, os satélites são visíveis de uma grande área na superfície terrestre e, por isso, desempenham a contento esse papel de intermediários, com a vantagem de permitirem interligar quaisquer pontos sobre a superfície terrestre em relação aos quais eles estejam em visibilidade direta com utilização de uma

Ver todos os capítulos
Medium 9788521627296

3 - Fundamentos e Evolução do Rádio

CARVALHO, Luiz Pinto de Grupo Gen PDF

CAPÍTULO

Fundamentos e

Evolução do Rádio

3.1 Campos Eletromagnéticos e

Propagação de Ondas

Procure entender o que é explicado nesta seção.

Não se preocupe em decorar as equações. Se você não se sentir confortável com derivadas e integrais, olhe o Apêndice, ao final desta seção.

Ampère, Faraday e outros estudaram a interação entre campos elétricos e magnéticos; mais tarde, Maxwell expressou esses resultados por meio de quatro simples equações, conhecidas como equações de Maxwell. Mais adiante,

Hertz verificou experimentalmente a transmissão e recepção de ondas eletromagnéticas.

Campo elétrico é a forma de se representar o efeito de uma carga à distância; uma carga faz efeito a distância sobre outra carga. Aliás, a ideia de carga (nesse sentido) só existe em função desse efeito.

Um dos fatos mais básicos da natureza é que a matéria é formada por partículas, algumas com a propriedade de atrair ou repelir determinadas outras partículas.

Ver todos os capítulos
Medium 9788521627296

6 - Comunicações Digitais

CARVALHO, Luiz Pinto de Grupo Gen PDF

CAPÍTULO

6

Comunicações

Digitais

6.1 Sinais Digitais:

Conversão A/D e D/A

6.1 Sinais Digitais: Conversão

A/D e D/A

6.2 Transmissão

Digital da Voz,

Imagem e

Outros Sinais

Um sinal analógico é aquele que pode assumir todos os valores, entre um máximo e um mínimo, de forma contínua. Ele é contínuo em termos dos valores e também no tempo; por isso, diz-se que é um sinal contínuo.

6.3 Multiplexagem

Digital

Sinais analógicos podem representar som

(voz, música, etc.) ou imagem (televisão, telefoto, fax), uma medida qualquer que pode variar no tempo (telemedida) ou um sinal de controle

(telecontrole).

Para lidar com um sinal em um sistema digital (armazenar na memória, disco ou fita de um computador, fazer algum processamento digital ou transmiti-lo digitalmente), ele precisa estar representado na forma em que o sistema digital trabalha, que é com números binários.

Para isso, uma sequência de valores do sinal deverá ser representada numericamente, e os números resultantes serão trabalhados pelo sistema digital. A conversão da forma analógica para a digital é chamada de “conversão análogo/digital”, “analógica/digital” ou “conversão A/D”.

Ver todos os capítulos

Visualizar todos os capítulos